Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



The Pawtrait

by Joana Cordeiro, em 20.03.19

Colagem-3.jpg

 

The Pawtrait ∙ Portugal 

 

Idade: Nasceu a 21 de Outubro de 2018.

O que mais gosta de fazer: Conhecer patudos e as suas histórias... Demonstrar ao mundo como eles são todos tão especiais. 

 

O The Pawtrait nasceu de uma ideia muito simples... Conhecer o nome e a história por detrás daquele patudo que estava sentado ao lado do seu dono na esplanada de um café... um menino velhote que dormia enquanto o dono bebia a sua bica e lia o seu jornal. Ainda me lembro de pensar que seria tão bom imortalizar esse momento e partilhá-lo!

 

Se me perguntam quem sou eu, respondo: Chamo-me Joana, sou apaixonada por animais desde que me conheço... Nasci e cresci no Alentejo. Vivo actualmente em Lisboa onde tenho a sorte de exercer a profissão dos meus sonhos... e para quem já segue este "cantinho" já sabe que sou médica veterinária. Tenho uma gata linda, a Tareca, e sou irmã humana do cão Zacarias

 

Mas o The Pawtrait não é uma pessoa, não sou eu. É muito mais que isso... Gosto de pensar que eu sou apenas a contadora de histórias e este "cantinho" é o livro que estou a ler em voz alta, em que cada história é única e especial, é a vossa!

 

Hoje chegámos à 100ª história... a história deste projecto que cresceu com o vosso carinho diário e com a vossa inspiração. 

 

Tenho muito orgulho nos cães e gatos portugueses (e do mundo!) e nos seus espectaculares donos (claro, excepto raras excepções que gostaria que não existissem) e gostaria muito de vos agradecer...  Por tudo! Inspiram-me diariamente, tanto no meu trabalho como na rua quando vos vejo ainda meio ensonados a passear com os vossos meninos, enquanto eles vos puxam em direcção à árvore mais próxima ou a fugir à chuva quando as intempéres acontecem. 

 

Ter um animal acarreta dedicação e compromisso para a vida. Não deve ser uma decisão banal. E quando a decisão ponderada é feita... Oh my dog, preparem-se porque vão surgir muitos momentos de dúvidas e de tensão, seja financeira como emocional.

 

Para quem ainda não tem um amigo de quatro patas não desespere ao ler o meu desabafo anterior, porque vale tanto a pena tudo isso! Eles são a prova viva que existe o amor incondicional, o amor para a vida.

 

E este "Cãontinho" apenas é o livro que conta cada história de amor que vou conhecendo na rua, em que eu apenas a "ilustro" e "leio em voz alta".

 

Infelizmente não consigo (fisicamente) chegar a todos, mas não é por isso que a vossa história ou a vossa fotografia não merece ser partilhada aqui. Para isso criou-se o espaço "My Pawtrait" em que se partilha em algumas sextas-feiras (e gostaria que fosse em todas) a história que chega via e-mail (the.pawtrait@gmail.com).

 

Hoje contamos com 100 histórias e com mais de 1000 leitores. Este "livro de histórias" continuará a crescer isso vos prometo, porque todos os nossos animais merecem ser imortalizados e homenageados.

 

Mais uma vez... Muito, muito e muito obrigada por todo o vosso carinho! 

 

---

 

The Pawtrait ∙ Portugal 

 

Age: It was born on October 21, 2018.

What it likes the most: Loves to meet pawfriends and their stories... and to show the world how they are all so special. 

 

The Pawtrait was born of a very simple idea... To know the name and the story behind that pawfriend that was sitting next to his owner on the terrace of a cafe.... an old boy that slept while the owner drank its "bica" (expresso in Portuguese) and read his newspaper. I still remember thinking it would be so good to immortalize this moment and share it!

 

If someone asks me who I am, I respond: My name is Joana, I have been in love with animals since ever... I was born and raised in Alentejo. Now, I live in Lisbon where I have the luck to practice my dream career... and those who already follow this "corner" already know that I am a veterinarian. I have a beautiful cat, Tareca, and I am the human sister of the dog Zacarias.

 

But The Pawtrait is not a person, it's not me. It's much more than that... I like to think that I'm just the storyteller and this "little corner" is the book I'm reading aloud, where every story is unique and special, it's yours!

 

Today we reached the 100th story... the history of this project that has grown with your daily affection and inspiration.

 

I 'm very proud of Portuguese dogs (and of the world!) and their spectacular owners (of course, except rare exceptions) and I would like to thank you very much!... For everything!  You inspire me every day, both in my work and in the street, when I see you still half asleep walking with your pawfriends as they pull you towards the nearest tree or to escape the rain when the bad weather happens.

 

Having an animal entails dedication and commitment to life. It shouldn't be a trivial decision. And when the thoughtful decision is made... Oh my dog, prepare yourself because there will be many moments of doubt and tension, both financial and emotional.

 

For those who don't yet have a pawfriend do not despair when reading my previous comment, because it's all worth it! They are the living proof there is unconditional love, love for life.

 

And this "dog corner" is just the book that tells every love story I meet on the street, where I just "illustrate"  and "read it aloud".

 

Unfortunately, I can't (physically) reach everyone, but that's not why your story or your photo does not deserve to be shared here. For this purpose, the "My Pawtrait" space was created and shared on some Fridays (hope to be every Friday in the future) the story that arrives via e-mail (the.pawtrait@gmail.com).

 

Today we have 100 stories and more than 1000 readers. This "storybook" will continue to grow, promise you!... Because all animals deserve to be immortalized and honoured.

 

Once again... Thank you so, so, so much for all your love and inspiration! 

 

 

Jimmy

by Joana Cordeiro, em 07.03.19

IMG_1072-2 (2).jpg

IMG_1084.jpg

IMG_1076-ANIMATION (1).gif

 

Jimmy ∙ Parque Eduardo VII

 

Idade: 6 anos.

O que mais gosta: Adora o seu dono e jogar com a bola (tal como conseguem ver )

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Jimmy ∙ Parque Eduardo VII

 

Age: 6 years old.

What he likes the most: He loves his owner and to play with the ball (like you can see ).

 

And your Pawfriend?

Amélia

by Joana Cordeiro, em 08.02.19

IMG_0633-3.jpg

 

Amélia ∙ Avenida de Roma

 

Idade: 1 ano.

O que mais gosta: Adora brincar.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Amélia ∙ Avenida de Roma

 

Age: 1 year old.

What she likes the most: She loves to play.

 

And your Pawfriend?

Pulga

by Joana Cordeiro, em 22.01.19

IMG_11666.jpg

 

Pulga ∙  Chiado

 

Idade: 4 anos.

O que mais gosta: Adora brincar com a bola e comer Dentastix.

  

E o vosso Patudo?

 

...

 

Pulga ∙  Chiado

 

Age: 4 years old.

What she likes the most: She loves to play with the ball and to eat Dentastix.

 

And your Pawfriend?

Molly

by Joana Cordeiro, em 21.01.19

IMG_1159.jpg

IMG_11444.jpg

 

Molly ∙  Praça Luís de Camões

 

Idade: 2 anos.

O que mais gosta: Adora brincar.

  

E o vosso Patudo?

 

...

 

Molly ∙  Praça Luís de Camões

 

Age: 2 years old.

What she likes the most: She loves to play.

 

And your Pawfriend?

Diogo cão

by Joana Cordeiro, em 15.01.19

IMG_0584-2.jpg

 

Diogo Cão ∙  Jardim do Arco do Cego

 

Idade: 3 anos e meio.

O que mais gosta: Adora passear.

 

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Diogo Cão ∙ Jardim do Arco do Cego

 

Age: 3 and half years old.

What he likes the most: He loves to walk in the street.

 

And your Pawfriend?

César e Isa

by Joana Cordeiro, em 14.01.19

IMG_0607-2.jpg

 

César e Isa ∙  Jardim do Arco do Cego

 

Idade: Ambos têm 5 anos.

O que mais gostam: Adoram ir à rua com os seus donos.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Cesar and Isa ∙ Jardim do Arco do Cego

 

Age: Both Cesar and Isa have 5 years old.

What they like the most: They love to go out with their owners.

 

And your Pawfriend?

Daisy

by Joana Cordeiro, em 11.01.19

IMG_0361.jpg

 

Daisy ∙ Estefânia

 

Idade: 13 anos.

O que mais gosta: Adora o seu dono e comida Friskies (não é patrocinado).

 

A Daisy vive na rua com o seu dono e recebe todo o amor, carinho e cuidado. Foi um prazer conhecê-los.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Daisy ∙ Estefânia

 

Age: 13 years old.

What she likes the most: She loves her owner and Friskies food (this is not sponsored).

 

Daisy lives in the streets with her owner and she gets all the love, warmth and care. Was a pleasure to meet them both.

 

And your Pawfriend?

Pena

by Joana Cordeiro, em 10.01.19

IMG_0108-4.jpg

 

Pena ∙ Saldanha

 

Idade: 1 ano.

O que mais gosta: Adora brincar e conhecer outros patudos.

 

P.S. A Pena foi a primeira menina que fotografei para o The Pawtrait :)

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Pena ∙ Saldanha

 

Age: 1 year old.

What she likes the most: She loves to play and to meet other pawfriends.

 

P.S. Pena was the first girl I photographed for The Pawtrait :)

 

And your Pawfriend?

Lótus

by Joana Cordeiro, em 09.01.19

IMG_11122(1).jpg

 

Lótus ∙ Príncipe Real

 

Idade: 3 anos e meio.

O que mais gosta: Adora bolas.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Lótus ∙ Príncipe Real

 

Age: 3 and half years old.

What he likes the most: He loves balls.

 

And your Pawfriend?

Apolo

by Joana Cordeiro, em 08.01.19

IMG_0345-3.jpg

 

Apolo ∙ Estefânia

 

Idade: 10 anos.

O que mais gosta: Adora estar com os donos.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Apolo ∙ Estefânia

 

Age: 10 years old.

What he likes the most: He loves to be with his owners.

 

And your Pawfriend?

Mel

by Joana Cordeiro, em 07.01.19

IMG_03399.jpg

 

Mel ∙ Estefânia

 

Idade: 2 anos e meio.

O que mais gosta: Adora passear, correr e cumprimentar as pessoas.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Mel ∙ Estefânia

 

Age: 2 and half years old.

What she likes the most: She loves to walk, to run and to greet people.

 

And your Pawfriend?

Óscar

by Joana Cordeiro, em 04.01.19

IMG_1589.jpg

IMG_1590.jpg

 

Óscar ∙ Avenida Almirante Reis

 

Idade: 11 anos.

O que mais gosta: Adora croquetes.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Oscar ∙ Avenida Almirante Reis

 

Age: 11 years old.

What he likes the most: He loves biscuits.

 

And your Pawfriend?

Benfas

by Joana Cordeiro, em 03.01.19

IMG_0980.jpg

 

Benfas ∙ Avenida Almirante Reis

 

Idade: 3 anos.

O que mais gosta: Adora comer Dentastix.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Benfas ∙ Avenida Almirante Reis

 

Age: 3 years old.

What he likes the most: He loves Dentastix.

 

And your Pawfriend?

Azeitona

by Joana Cordeiro, em 02.01.19

IMG_1651.jpgIMG_1654.jpg

IMG_1640.jpg

 

Azeitona ∙ Morais Soares

 

Idade: 9 anos.

O que mais gosta: Adora vir à rua com a dona e de estar deitada à porta da Loja da dona, a senhora Maria Augusta.

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Azeitona ∙ Morais Soares

 

Age: 9 years old.

What she likes the most: She loves to go to the street with her owner and to be lying at the door of her owner's store, Mrs. Maria Augusta.

 

And your Pawfriend?

Feliz 2019

by Joana Cordeiro, em 31.12.18

 

Que 2019 chegue rápido e cheio de novas histórias e novos patudos!

 

Obrigada a todos por tornarem o The Pawtrait tão especial!

 

---

 

Hope 2019 arrives soon and full of new stories and new pawfriends!
 
 
Thank you all for making The Pawtrait so special!

Miura - #mypawtrait

by Joana Cordeiro, em 28.12.18

DSCF0854 (2).jpgDSCF0637.jpgDSCF0710.jpg

IMG_9775.jpg

IMG_9797.jpg

 

Miura - Cão Serra da Estrela de pêlo curto - 4 anos   Évora  #mypawtrait

 

Hoje é dia #mypawtrait! É o dia do Miura, um menino no corpo de um gigante. Vi este menino crescer e sei que não podia ter melhor família, a Inês e o Vítor, dois humanos espectaculares que tenho a sorte de ter como amigos. Obrigada por me deixarem partilhar a vossa história e estas imagens de puro amor (para quem não conhece a humana deste menino é uma excelente fotógrafa!). Inês, dá uma festinha nas costas do Miura por mim!

 

" O Miura é um cão muito especial, adoptá-mo-lo numas férias na Serra da Estrela quando ainda tinha um mês de idade, o tamanho da sua cabeça nos dias de hoje, pernas tortas e estava cheio de lombrigas, pulgas, carraças e piolhos (Na altura até diziamos na brincadeira que adoptamos vários animais pelo preço de um).

 

Actualmente, ele é um cão adulto com 45 kg e é da nossa altura quando está apoiado nas patas traseiras.

 

O que ele mais gosta: O seu humano Vitor, comer e dormir.

 
O Miura, como qualquer cão Serra da Estrela, é um cão pastor e, apesar de não ter o seu próprio rebanho e de provavelmente só ter visto ovelhas uma ou duas vezes, ele nunca perdeu a sua memória genética. Por isso, se alguém vier a nossa casa e for apresentado ao Miura adequadamente fará parte do rebanho e o Miura não o irá perder de vista. Ah, e esse alguém tem de lhe fazer festas nas costas como lembrança da sua visita.
 
Ele é uma criatura de hábitos, por isso todos os dias, depois de eu me levantar às 5 horas da manhã, ele troca de lugar comigo na cama até ao outro humano se levantar. Se ele quer alguma coisa ele faz questão de o demonstrar, por exemplo, neste momento ele está com a cabeça em cima da minha mão enquanto estou a tentar escrever este texto. Não pára de gemer até que eu lhe dê a atenção toda que quer (que vou dar agora mesmo!)."
 

Todas as semanas, às Sextas-feiras, quero dar a conhecer o #mypawtrait, onde mais do que a vossa fotografia (ou vídeo), partilho a vossa história. Hoje é a vez do Miura, mas para a próxima semana será a vossa. Envia para the.pawtrait@gmail.com

 

...

 

Miura - Short Haired Portuguese Mountain Dog - 4 years old   Évora  #mypawtrait

 

Today is #mypawtrait day! Today is Miura's day, a boy in the body of a giant. I watched this boy grow up and he could not have a better family: Inês and Vítor, two amazing humans that I am fortunate to have as friends. Thank you for letting me share your story and these images of pure love (for those who do not know the human of this boy is an excellent photographer!). Inês, give Miura a cuddle on Miura's back for me!

 

"Muira is a very special dog, we got him on a vacation in Serra da Estrela when he was only 1 month old and about the size of his actual head today, crooked legs and full of worms, fleas, ticks and lice (so we joke that, at that time, we got a lot of pets for the price of one).
 
These days, he's a grown-up dog with about 45kg and our height if he's on his hind legs. 
 
What he loves most: His human Vitor, to eat and to sleep. 
 
Miura, being an Estrela or Portuguese Mountain Dog, is a shepherd dog and even though, he doesn't have an actual heard and he's probably seen sheep once or twice in his life, he never lost that genetic memory. So if you come to our house and you're properly introduced, you'll become part of his heard and he'll never let you out of his sight. Oh, and you have to pet his behind for the remainder of your visit. 
 
He's a creature of habits, so every day, after I get up at 5 a.m he'll swap places with me until his other human gets up. If he wants something he'll make sure you know it, for instance, right now he has his head on top of my hand as I'm trying to write this, and he won't stop whining until I give him the attention he wants. (which I'm gonna do now.)"
 

Every Friday will be the #mypawtrait day, where more than your pawfriend photograph (or video), I want to share your story. Today is Miura turn, but next week will be yours. Join! For more information send an e-mail to the.pawtrait@gmail.com

Gaïa

by Joana Cordeiro, em 27.12.18

IMG_1187.jpg

 

Gaïa ∙ Cais do Sodré

 

Idade: 7 anos.

O que mais gosta: Adora o seu dono Fred e adora comer. 

"Ficamos felizes em partilhar a história da nossa única menina (temos 5 filhos...). Ela tem 7 anos e nasceu em Luberon, no sul da França onde temos uma casa. Agora, ela está muito feliz em partilhar connosco uma nova vida em Lisboa. O que ela mais gosta (depois do seu dono Fred) é comer... Como sou eu que lhe dá de comida, ela também me adora à hora das refeiçóes. Ela nunca diz não a um passeio na praia."

 

E o vosso Patudo?

 

...

 

Gaïa ∙ Cais do Sodré

 

Age: 7 years old.

What she likes the most: She loves her owner Fred and to eat.

 

"We are happy to share the lovely story of our only girl (we have 5 sons...). She is 7 years old, was born in Luberon, south of France, where we have a house. Now, she is very happy to share our new life in Lisbon. What she likes the most (after her owner Fred) is eating... As I am the one who feeds her, she also loves me during the meal hours. She will never say no to a long walk on the beach."

 

And your Pawfriend?

 

Don York

by Joana Cordeiro, em 26.12.18

IMG_1618.jpg

 

Don York ∙ São Bento

 

Idade: 3 anos.

O que mais gosta: Adora estar com pessoas e brincar.

  

E o vosso Patudo?

 

...

 

Don York ∙  São Bento

 

Age: 3 years old.

What he likes the most: He loves to be around people and to play.

 

And your Pawfriend?

 

Tareca

by Joana Cordeiro, em 24.12.18

IMG_18555-2.jpg

IMG_1911-2.jpg

IMG-20181223-WA0010.jpg

 

 

 

 

Tareca ∙  4/5 anos (?) ∙ #selfpawtrait

 

Hoje, véspera de natal, dia da família, escrevo um post diferente, mas também muito pessoal... 

 

Sempre me considerei uma pessoa de cães. Tenho cães desde que me lembro. Sim... fazia parte daquele grupo de pessoas que acha que gato é "ser independente, egoísta e que só vai ter com o dono quando quer alguma coisa". Não podia estar mais errada!!!

 

Por ser Médica Veterinária, mal comecei a trabalhar percebi que esse preconceito estava longe de ter fundamento. Apaixonei-me! Dizer que a personalidade de um animal está vinculada à sua espécie e à sua raça é demasiado generalista. Conheci gatos mais melosos do que muitos cães e cães mais desconfiados do que muitos gatos.

 

A Tareca, Zeca, Teca, Miau... Tem muitos nomes, mas não responde a nenhum em particular. Só ela tem direito de escolher quando quer festas dos seus humanos, não o inverso. Contudo, enche a casa com as suas correrias, miadelas e momentos amorosos.

 

Era uma gata meia leca quando a vi pela primeira vez há 3 anos e meio. Tinha começado a trabalhar há pouco tempo no Hospital Veterinário de São Bento e ela vadiava pelos quintais lá perto. Vinha pedir comida através de miadelas e não deixava ninguém aproximar-se dela.

 

Um dia mais tarde, isso mudou, tornou-se mascote do Hospital e aguardou por um lar e uma família. Ao início era "meio brava" quando se tentava o contacto humano, contudo, com muita paciência, um dia consegui dar-lhe festas na barriga. Foi a primeira conquista (e que o digam muitos donos de gatos) e foi quando demonstrou que confiava em mim... Não vos consigo explicar a felicidade que isso me deu.

 

Todos os animais com que contacto no dia a dia, têm algo de especial, cada um com a sua personalidade. Mas esta menina encheu-me o coração... Trazê-la comigo para casa foi algo natural, algo que fazia todo o sentido. Era e é a minha menina. 

 

P.S. Deixo-vos algumas fotos da família. Não estranhem a cara da Tareca no passeio, não achou grande piada. Desde que se tornou gata caseira não quer outra coisa.

 

Desejamos a todos (humanos e patudos) um feliz natal junto de quem vos faz feliz!

 

---

 

Tareca ∙  4/5 years old (?) ∙ #selfpawtrait

 

Today, Christmas Eve, I write a different post, a very personal and special one...

 

I've always considered myself a dog person. I have dogs as long as I can remember. Yes... I was part of that group of people who think that a cat is "independent, selfish and it only contacts with its owner when wants something." I could not be more wrong!!!

 

As a Veterinarian, as soon as I started working, I realized that this preconception was far from having any foundation. I fell in love! Saying that the animal's personality is connected with its species and race is too generalist. I have met cats more affectionate than many dogs and dogs more suspicious than many cats.

 

Tareca, Zeca, Teca, Meow ... She has many names, but she does not respond to any in particular. Only she has the right to choose when she wants cuddles from her humans, not the other way round. She fills the house with her races, meows and moments of love.

 

She was a small cat when I first saw her three and a half years ago. I had started working at the Veterinary Hospital of São Bento while she lurked around the backyards. She came to ask for food through her meows, but she did not let anyone approach her.

 

Later that changed, she became the Hospital's mascot while waiting for a home and a family. At first, she was reluctant to human touch, yet with great patience, one day, I was able to give her cuddles in the belly. It was the first conquest and she showed me that she trusted me... I can not explain the happiness that she gave me that day.

 

All the animals I contact with on a daily basis have something special, each one with its own personality. But this girl filled my heart... Bringing her home with me was something natural, something that made perfect sense. She was and she is my girl.

 

P.S. Do not be surprised about Tareca's face while walking on the street, she didn't like it. Ever since she became a home cat, she does not want anything else.

 

We wish everyone (humans and pawfriends) a Merry Christmas with those who make you happy!

 


ABOUT THE PROJECT

Like dog, like owner. Telling their stories.

ABOUT ME

 

Portuguese © // Animal lover 

Veterinarian // Storyteller

E-mail: the.pawtrait@gmail.com


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Archive

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D